domingo, 11 de agosto de 2013

*Resenha Encantos


Encantos

Aprilynne Pike


Em Encantos, após o início da trama com o best-seller mundial Asas, seis meses se passaram desde que Laurel descobriu ser uma fada e salvou o portal de entrada para Avalon. Lá, ela passará o verão estudando para aprimorar suas habilidades e adquirir conhecimentos como fada de outono. No entanto, com o tempo, a hierarquia social do lugar começará a desgastá-la e a fará repensar sua escolha.



APAIXONANTE...


Contém spoiler de Asas
  
Tá. Esta é minha série preferida, e talvez, por esse mesmo motivo, seja difícil fazer a resenha. São tantos pontos a ressaltar, e muitos que contém spoilers. Então fica difícil, mas ok!

Agora que Laurel sabe que é uma fada, terá que lidar com suas responsabilidades. A história será dividida, com Laurel, em Avalon e na sua casa. Lá em Avalon ela aprenderá como ser uma fada do Outono, e ainda conhecerá toda a magia que há por detrás de uma fada. A facilidade com que Pike cria todo esse universo é impressionante. Como já citei na resenha do primeiro livro.
O relacionamento entre -David-Laurel-Tamani, vai meio que se complicar. Porque ao entrar no mundo de Avalon, ela vai se aproximar muito de Tamani e seus segredos. Contudo, ao mesmo tempo ela está namorando David, o que faz com ela se aproxime mais do garoto mortal também (¬¬). Sou Team Tamani, como vocês já devem saber. Posso dizer que a escritora deu um grande espaço para ele nesse segundo livro, mais do que antes.

Voltando a "magia de Avalon" lá ela terá diversas aulas de Herbológia, onde estudará as plantas, que são o foco das fadas do Outono. O que Laurel ainda não sabe é que até mesmo em Avalon existe uma hierarquia, o que a deixa bastante irritada, assim como eu fiquei. As fadas são divididas por estações: Inverno, verão, outono e primavera.
As Fadas do Inverno são as mais raras, ou seja, são a realeza. Já as Fadas de Outono (que a Laurel é) são de uma pequena porcentagem. Elas são as que desenvolvem medicamentos e poções. As de Verão são as mais festeiras, tomam conta das coisas bonitas do lugar. As Fadas da Primavera (le-se Tamani <3) são a maioria, cerca de 80%, e são ela que cuidam de quase tudo em Avalon e são a mais baixas na "cadeia alimentar". Talvez pelo fato de Tamani ser tratado como inferior por todos, tenha deixado Laurel mais que irritada, tomando as dores dele. O que eu não critico poís também me vi nesse estado y.y

"- Não posso simplesmente avançar e proclamar minha intenções. Não posso "roubar" você. Só posso esperar e ter esperanças de que você, algum dia, me peça.
- E se eu não pedir? - disse Laurel, com uma voz que mal passava de um sussurro.
- Então suponho que ficarei esperando para sempre."

AWNT *--* Como não amar o Tamani né? Queria poder dar mais detalhes, mas seria muito spoiler.
Em relação a escrita de Aprilynne Pike posso dizer que ela melhorou muito, já era boa. Mas neste segundo livro ela perdeu um pouco da insegurança. Ela dá a impressão de ter escrito tudo de uma vez. Como se tivesse sonhado com o livro inteiro e passou ele para palavras. É muito mais agitado que Asas, e muitas coisas são desvendadas. Devorei ele, e já reli umas quatro vezes. Tenho muitos quotes marcados, para quando não tiver tempo de reler ele, eu possa simplesmente ler os quotes. Já vieram me perguntar qual eu achei melhor da série e o pior. Não li ainda o último livro, que está para chegar aqui em casa AMÉM. Então não posso responder a essa pergunta. Só posso dizer que não existe nenhum ruim, ao meu ver.

Só posso dizer que toda a mitologia que Aprilynne Pike criou deixa você com vontade de "mais". E diferente de muitas séries, a série Asas não perdeu o fôlego.
A capa é linda, a editora Bertrand Brasil, não seguiu a linha exata de capas da edição americana. Na realidade eu achei mais bonita, do que a edição original.

Como já disse na primeira resenha, tenho muitos desenhos que representam as histórias do livros. E a cada resenha prometi colocar um, então ai vai:




 

8 comentários:

Fran Borges disse...

Olá!

Ainda não li essa série, por isso confesso que li somente a parte final da resenha. Já li várias resenhas positivas e você parece mais uma encantada pela série. Já anotei na minha lista.

Beijos

http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

Rafaela Oliveira disse...

Leia mesmo é ótimo!!!

Fernanda Brandalise disse...

Eu AMO o TAMANI!!! Tipo, ele é mais perfeito que a vida!!!!
Mas não gosto da Laurel... Nem um pouco....
Beijos

diariosdeumafangirl.blogspot.com.br/

Dani Duque disse...

Você gosta da leitura nesse estilo fantasia, mágico...legal mesmo Rafa! Quanto tempo também que não venho por aki, bom dia 24 de ago próximo sábado meu filhote Duan Nascerá, mas estarei futucando por aki sempre. Beijos!!!

Rafaela Oliveira disse...

Ownt *----* Boa Sorte, depois quero fotinhos!!!!

Rafaela Oliveira disse...

Serio? A tem algumas atitudes dela que não e agrada, mas eu gosto dela!!

Fabíola Karina disse...

Sei como é se controlar para não lançar spoiler, sempre que se trata de um livro que você adora ^^ Sempre passo por isso "/
Nunca tinha ouvido falar desse livro, mas pela sua resenha ele parece ser um ótimo livro. Acho que foi aqui no seu blog que eu li uma resenha que falava sobre Fadas também, não ?! São tantos blogs que eu acabo me confundindo rsrsrs

Parabéns pela resenha flor, eu adorei

Bjos,
misturandoasmentes.blogspot.com

Rafaela Oliveira disse...

Obrigada amore =)

Postar um comentário

Comente, de sugestões, critique (moderadamente).

Obrigada pela visita. Venha sempre