quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

*Resenha A Gramática do Amor



A Gramática do Amor

Rocío Carmona





Uma história com algumas reviravoltas, muitos ensinamentos e grandes personagens. A escritora é Rocío Caramona ela é uma escritora espanhola pouco conhecida no Brasil. Mas com esse livro ela me conquistou.
A obra gira em torno de Irene uma nativa de Barcelona que vai viver em uma pequena cidade na Inglaterra, ela como muitos aqui na "vida real", sofreu um desilusão amorosa logo com seu primeiro amor. Rocío descreve os sentimentos de Irene como se fossem palpáveus. Depois desse acontecimento inicial, seu professor - Peter - a convoca para aulas de Gramática do Amor. Ou seja, através de LIVROS ele vai mostra-la vários tipos de amor, os com finais felizes ou longe da felicidade. Alguns dos livros citados são bem conhecidos, a maioria clássicos. Sem contar minhas duas escritoras preferidas de romance Jane Austen e Charlotte Brontë.


"Correr estava virando sua vitamina diária, um espaço só seu, onde se sentia livre e leve"

Outra arte que Irene descobre em sua vida, é a de correr. Quando está com sentimentos a flor da pele, ela corre como ninguém. Em busca de deixa-los para trás e se sentir bem. Ai ela conhece Marcelo, outro estudante que adora competir e que também sofreu com desilusões amorosas, junto com ele, Irene começa a treinar para a maratona que ocorrerá, então quem sabe os dois não possam curar as feridas do passado juntos? 
Bem, mas a escritora não séria tão elogiada, se as coisas se resolvessem  tão fáceis assim na obra, não é verdade?

"Ele a segurava com firmeza, mas delicadamente, como se  ela fosse um objeto valioso."
 Meu personagem favorito, como toda a certeza, é o Peter. É um romântico imprevisível, também sofreu do mal do amor e agora ajuda sua aluna a se recuperar de seu primeiro, além disso tem um gosto musical sem igual: Ele é fã de jazz e grande fã do musicista Louis Amstrong (de quem eu também sou fã). Peter me encanto como nenhum outro personagem.

Falando ainda em relação aos personagens, todos eles foram bem construidos, e tem um papel essencial na obra. A história é narrada em terceira pessoa, o que nós dá uma visão mais ampla dos acontecimentos. Rocío Carmona conseguiu me conquistar com essa obra, linda e com grandes significados e ainda recheada com um pouco de drama e humor.

A editora com os direitos da obra no Brasil é a Rocco. Em relação a capa, só tenho elogios, ela é MARAVILHOSA, simples e bem trabalhada. Foi de verdade o que me chamou atenção, antes mesmo da história.




8 comentários:

Mariana Teixeira disse...

Olá!
Eu não conhecia a autora nem o livro.
Achei a história diferente e fiquei imaginando quais livros o professor utilizou para mostrar os diferentes tipos de amor rs.
bjs
http://www.letrasdanana.blogspot.com.br/

Rafaela Oliveira disse...

Ai é ótimo, adorei as escolhas dele <3

amanda tagami disse...

O livro parece ser muito bom ..

Adorei a resenha .

garotasimplesvem.blogspot.com.br

Julia Cedro disse...

Oi,

Eu nunca tinha ouvido falar desse livro, mas a capa e a história já me chamou muito a atenção. Parece ser muuito bom.

Beijos,
http://comoum-sonho.blogspot.com.br/

Leticia disse...

Realmente a capa é linda, amei.
Eu estou conhecendo o livro agora, nunca tinha ouvido falar, mas pela sua empolgação deve ser bom.
Gostei da descrição do livro.

beijos
livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

Rafaela Oliveira disse...

Que bom que gostou *--*

Rafaela Oliveira disse...

É bem pouco conhecido o que é uma pena =X

Rafaela Oliveira disse...

Obrigada Amanda =)

Postar um comentário

Comente, de sugestões, critique (moderadamente).

Obrigada pela visita. Venha sempre